sábado, dezembro 31, 2011

17 coisas para você deixar de fazer



Sempre fazemos um monte, em geral caducam antes de abril, quando muito. Entretanto, sempre valem a pena serem evocadas, ainda mais no último post do ano. Vi esse artigo de Donald Latumahina e gostei bastante, to dando uma adaptada e quando puder contextualizo com a eterna fuga.

17 hábitos que você deveria abandonar

1: Consumir informação que você não precisa:
Admitamos estamos numa fase de obesidade mórbida da informação, consumimos tudo com voracidade abissal, mas realmente precisamos da TV ligada em autópsia de múmia, postar numa comunidade de dança folclórica de papua nova guiné e falar de futebol americano, tudo ao mesmo tempo agora?
2: Deixar outras pessoas conduzirem sua vida:
Citar Jobs é um clichê, mas essa é boa, "Seu tempo é limitado, não o gaste vivendo a vida de outra pessoa". Você deve viver sua própria vida sem obrigações de agradar ninguém. Ouvir outras pessoas é importante, mas no fim o da reta é sempre o seu. Cometa seus próprios erros e deixe os outros cometerem os deles. Cuide do próprio metro quadrado.
3: Reinventar a roda:
Na hora de resolver um problema, pesquise e descubra o que já foi feito para agilizar sua tarefa. (Lembrei de outro clichê de vidas passadas: A Bell Labs Inventa, o que já existe a Bell Labs compra. por aí...)
4: Ser Perfeito:
Além de ser quase uma moral cristã, ser perfeito implica num grande gasto de energia e pode impedir você de entregar um bom trabalho. Veja bem, não é ser lambão, estabeleça critérios para um trabalho, leve em conta aquilo que foi feito e o que está por fazer e vá em frente.
5: Deixar a TV superar suas paixões:
Geralmente se você anda citando House ou outro seriado muitas vezes ao dia, ou pior está por dentro das Novelas e suas tramas manjadas, em detrimento do ar livre e outras atividades, algo está mal. Desliga essa caixa.
6: MultiTarefa:
Tente resolver as coisas uma de cada vez. DOS way.
7:Negligenciar o corpo:
Comer lixo, lorpar e dormir pouco. Vai morrer antes e maus. Melhore isso. Mude, modifique, peça ajuda, queira ajuda. Ou dane-se!
8: Prometer muito:
Tem falado muito sim? Mude, prometa menos. Se achar que está cedendo, fazendo demais fale NÃO!

9: Reagir a cada distração que aparece
O mundo é do entretenimento, se você reagir a cada gracinha que aparece, a cada coisa irritante vai procastinar e adiar coisas que realmente importam. Saia desta. Tenha um modo autista de stand by, ligue-o vez por outra.
10: Pensar que quanto mais melhor:
Essa me permite citar o Economista Sérgio Besserman no Globo News em sua fala relativa a política ortodoxa de pensar o PIB. "O crescimento a todo custo é filosofia da célula cancerosa". Pesquise um pouco de budismo e talvez abram-se novas perspectivas e definições de felicidade que valham a pena pensar.
11:Chegar atrasado a toda reunião:
Você desrespeita todo mundo que chegou na hora, passa uma péssima imagem. Arrume um jeito, chegue antes.
12: Ficar quieto quando você deveria perguntar:
Ninguém passa por idiota por perguntar. Passa-se por idiota exatamente pelo contrário. Se você está encalacrado pergunte, peça ajuda.
13:Começar as coisas e não terminá-las:
Alguns problemas podem ser complicados, mas não é regra. Problemas são para serem resolvidos. Resolve em partes, de seu jeito.
14: Trabalhar cansado
Se você está cansado, só parte de você está disponível para a missão. Evite. As vezes é caso de um cochilo de 20 minutinhos para se dar uma renovada.
15: Esperar os outros resolverem uma dada situação
Tome iniciativa, ninguém vai fazer e o desapontamento é duplo. Se acha que deve ser feito, manifeste, vá lá e faça.
16:Resistir em admitir seus próprios erros e a aprender com eles:
Se você não reconhece seus erros e falhas, vai repeti-los. Se você não aprende nada com os erros, eles são apenas isso, erros.
17:Resolver um sintoma no lugar de resolver a raiz do problema:
Se uma bicicleta fura um pneu, vc pode encher o pneu furado e andar um pouco mais, ate ele esvaziar novamente, ou vc pode trocar por um novo e seguir viagem.

Conclusão:


Muitas coisas que fazemos são pura perda de tempo, vícios de postura e de prática de vida.Se for pra começar a  investir em apenas uma, o item 7, cuidar do corpo, da cabeça, fazer exercícios e dormir melhor é um tremendo lastro para começar.



Excelente 2012 para todos os meus amigos, prometo correr ainda mais atrás de praticar aquilo que escrevo e falo.

Saúde e Paz a todos.







sexta-feira, dezembro 23, 2011

Ano Novo, hora de mudar: Mude!

Crise no Andarahy!
Coisa pouca. Vários pecados cometidos, desde então. To devendo exames de sangue e uma visita ao meu Médico. Houve uma diáspora no clube de FutMesa que estava, eu vou jogar no América FC, vou aproveitar o ensejo, mudar de eixo e passar a utilizar a academia do clube Rubro. Conhecendo novas pessoas, novas motivações e desafios, voltemos a rota de fuga da cidade da gordura. Coisas legais estão mantidas, dieta anti bicho que anda e bebidas com bolhas já completaram 4 anos. Na maior cara de pau, me comprometo a dar um gás no antigluten assim q começar 2012, apesar de dieta bacana mesmo começa agora. As roupas estão na mesma, e como dei uma ralentada no ritmo este mês, tbem tenho me alimentado bem menos, mas picolé é picolé. Não que eu tenha descalibrado totalmente, mas macarrão de arroz por exemplo, não entra aqui em casa tem um tempo. Coisas legais aconteceram em 2011, outras nem tanto, mas no fim estamos tocando o barquinho. Desejo um excelente ano novo para todos os amigos presentes e alhures. Dois mil e doze diferente para todos nós.
Eu crio pimentões domésticos, os como e ninguém pode reclamar ou me acusar de crueldade contra os vegetais. Por enquanto, nunca podemos subestimar a capacidade de idiotia e policiamento das massas.

quarta-feira, novembro 16, 2011

Turismo a pé e bicho solto

Andar por aí é uma necessidade, correr se mexer, sem muita paciência para teto sobre a cabeça fico pensando nos bichos de zoológico.


Bichos,  que mesmo nascidos em cativeiro, trazem a necessidade de amplidão. Alguns ficam visivelmente afetados no catre. Mante-los ali é uma maldade.


Mas e se eles estivessem do lado de fora? E a educação e o desenvolvimento de respeito e importância para a natureza e o meio ambiente?


Legal, ver a molecada se divertindo, Pais com seus filhos, famílias interagindo.



Mas, do outro lado da grade o bicho tá lá meio zumbi, mais que empalhado e menos que  vivo. Alguns claramente inadaptados ao lugar e a agitação do lado de cá. Para alguns bichos pequenos, ainda parece ser justificável estarem ali na gaiola, mas ursos, tigres e onças não estão ali felizes.


Macacos, Araras, Jandaias e quetais são bichos divertidos acho sempre que estão por ali numa boa, bichos estilo novo rico.


Você anda no Zoo, faz um lanche e o maior tributo que se pode pagar é cheirar esterco de bichos com dieta controlada. O aprendizado com eles é quase nenhum.


Não sei dizer. Algo em zoológicos me entristece.




Um dia bom de distração, você sai de lá com a falsa impressão de conhecer alguma coisa além, mas como tudo q se faz relaxado, não passa de impressão.


Dez minutos de latência e não sobra nada.


A menos que o urso ou o tigre insistam em ficar dentro de sua cabeça, se mexendo pra lá e pra cá, pra lá e pra cá.


Tinha um tempo que não ia ao Zoológico. Vou ficar mais um tempo sem ir. Decadência a mostra, prefiro ir pra Lapa.

sexta-feira, setembro 23, 2011

Mãe

Sinto sua falta
Sinto falta de que?
Você foi embora cedo
Minhas saudades já podem até se aposentar
Mais de trinta anos de serviço
Cada vez mais esgarçadas e pálidas
Lembranças que fotos não reativam
Histórias cada vez mais esburacadas
Chego as vezes a duvidar que você existiu
Por que tão antes da hora?
Por que tão cedo assim?
Podia ter esperado eu me graduar
Te desapontar ou coisa parecida
Não deu tempo pra nada
Não deu tempo pra mim
Sinto sua falta
Sua falta, não me diz nada
Me leva pra junto de você
Teu filho

TMB
9.2011



Coração

Você se sente poeta
Escreve com ritmo
Fluxo, cadência
a alguma rima
usa palavras a mais
tenta ser diferente
tenta ser sensível
tenta ser gente
cuidado, voce pode virar o fio
e acabar virando a bunda
Seja Homem, seu cabra!
Chorar é o Cazzo

TMB
9.2011







Preâmbulo

Prepare-se, besunte-se
Aguarde e respire fundo
Tenha paciência, entenda
Respire mais uma vez
Você já conhece, mas devo prepará-lo
Te trato como um tolo
Mastigo sua comida
Bebê desdentado sem memória
Precisa disso ou não entende
Capivara, amador ou incauto
Blasee, idiota e mortal

TMB
9.2011





Responsabilidade

Todo amor é uma responsabilidade. Quanto mais incondicional mais responsável ele é. Amo meu Pai.



Rascunho

Num dia decidiu ser Homem
Parou de fazer rascunhos
Escrevia direto sobre o papel
Com a certeza dos imbecis
Em pouco tempo aquilo cresceu
Escrevia ordens, exemplos e regras
Teoremas, leis, postulados
Até que um dia escreveu
Uma poesia
Leu, amassou e jogou fora
Nunca mais escreveu nada.

TMB
9.2011




Sorriso

Em dias de dor
Meus dentes
Em dias de festa
Parentes
Nasci banguelo e chorão
Mamei na teta e sorri
Hoje no fim do processo
Deitado nessa grande caixa
Cercado de gente que esqueci
Rezam, lamentam e choram
Mal Percebem que finalmente
Reencontrei a teta de outrora

TMB
9.2011



quinta-feira, setembro 22, 2011

Cachaça

Eu tomo porre sozinho
Eu tomo porre calado
Gosto de ser falador sóbrio
Minhas verdades não trazem conforto
Não há quem precise disso
A vida nunca será boa
O desconforto é real
Viver com ele necessário
Então aceite e leve a vida
Encha a cara
Encha o saco
Incomode e aceite os incomodados
Até contribuo com o táxi
Mas prefiro você ao meu lado

TMB
9.2011



Não Quero

Num crescendo nós, nos vamos
Quando diminui, a noite cai
Lembranças de dias por vir
Amor, decadência e ciúmes
Um dia, uma vida se muda
Um dia, uma casa colorida
No céu, nada mais me interessa
As cores, sabores, sei lá
Um dia para ser amado
Outro dia, para ser vilão
A vida, inglória e bastarda
Presente herdado de uma paixão
Não quero.

TMB
9.2011

segunda-feira, junho 27, 2011

E eu nem vi o Korzus em SP



A vida segue na planície, com picos e vales. Alguns dias de chuva e outros de sol. Se vc não aproveita o q vem, pode parecer q tudo é ladeira acima num mormaço encoberto. Ok, não ser o idiota sorridente nas tempestades nem o emburrado no final de semana ensolarado. Equilíbrio diria o técnico moderno de esporte coletivo. Mas vamos lá Professor, como é exatamente isso com tudo se mexendo ao mesmo tempo? Dias, horas, pessoas e fatos não esperam o ensaio acabar, portanto a coisa acontece em movimento mesmo.

Esse mês teve viagem com show de rock e vida de improviso longe de casa. Rock pedrada na testa com amigos selvagens, urbanos, fumantes, fanfarrões, comilões e queridos a beça. Perto de casa, a gente sempre tem a opção de estancar a sangria e sair à francesa. Longe nem sempre.

O Slayer como era esperado foi couro de boi, mais certo q a friaca q nos esperava em SP. A nostalgia de idas passadas a terra da garoa foi intensa. Galeria do Rock, Centro Velho, Liberdade, Mercado municipal e a maior Lapa do mundo em linha Reta: a rua Augusta.
A Catiço tour trouxe o melhor da vivência underground. Teste absoluto para os limites do estomago de pinto: andar por SP no frio entre a fome e a vontade de comer. O papo de tirar o foco da comida é de lei, mas com oferta abundante realmente 24h por dia na gde capital tupiniquim dificil não pensar em encher o pandú. Se localizar e andar a pé numa cidade diferente deve servir aos propósitos de exercício. O q e onde comer tbém. Um breve roteiro antes de sair da base é importante.
A melhor e única refeição de verdade que fiz em terras bandeirantes foi na filial da nação do sol nascente: Liberdade. Uma sopinha como macarrão fresco, tempura de legumes e caldo de peixe. Levante garantido. A diversão gustativa no bairro foram o sorvete melona e os sucos em lata diferentes (aloe vera e lichia com carne branca de côco). Pequenezas e camisetas garantem o lado sacoleiro e taí umas 4h de diversão.
Bem, pra não ficar só contando vantagens, cabe o aviso de perigo na volta. Antes de pegar estrada, voltamos ao mercado municipal para comprar víveres desnecessários porém gostosos. Lá é um lugar pleno deste tipo de mantimentos. Lógico, um lanche tbém foi pedido. Do famoso sanduíche de mortadela local, só trouxe a foto abaixo, pedi o bolinho de bacalhau e meus amigos além disso pediram o pastel local, muito parecidos com sacos de dormir fritos com recheio livre de buracos. É logico q teve uma parad extra e antecipada em nosso roteiro de volta. O bolinho pediu pra sair.

Sim, foi um fim de semana divertido pacas e mais uma quebra de paradigmas engessados por medo e crendices que se acumulam no virar dos dias comuns. A gente pode sair e se divertir com poucas regras a serem burladas.

Ah e por que eu não vi o Korzus em SP? Por causa do RP. Cada País tem o Hugh Heffner q merece.

quarta-feira, junho 08, 2011

Rápidas, rasteiras e algumas até mesmo sujas

Outro dia pintou uma reunião de confrades cervejeiros e como não bebo nada com bolhas nem como nada cozido q ande, me divertia com fritas e uma lata de mate. No décimo chopp, um amigo meu perguntou se eu não estava de dieta. Nem respondi nada, só avisei q tinha alguma coisa agarrada em seu dente, antes de virar a cara. Provavelmente um espírito maligno, já que o bafo estava mortal.


Algo semelhante rolou numa aula de spinning, terminei a aula suadão e menina impoluta de suor dona de um abafa selim daqueles estranhamente puxou assunto: Cheio de pressa hein suadão? Que nada, to cheio de fome, vou comer um abacate com whey na sequencia. Nossa, abacate engorda é muito calórico. E lá se foi a Dona daquela abundancia toda me deixando em catatonia.

Numa outra conversa, com minha amiga Vegana numa troca de receitas confessei o uso de Sazon e Ketchup em meus cogumelos secos e levei uma descompostura, afinal química de estabilizantes e aromatizantes destroem todo o sentido de uma alimentação natural. Alguns minutos depois ela acendeu um cigarro e contnuamos nossa conversa.

A unica verdade numa dieta, qquer uma é q ela tem de ser mantida. Seres urbanos como eu e talvez vc q esteja lendo essas linhas, somos envenenados todos os dias, poluições, coliformes, mosquitos, pivetes e outros tantos macro e microrganismos das profundas infernais. Podemos evitar alguns, encarar outros e sim usar um ou outro para sua intoxicação levemente descontrolada.

Nutricionistas, vegetarianos e até mesmo pinguços vão ter opinião sobre o q vc come e deixa de comer. Morram todos, descubra um esquema e toque o barco, escutar um monte de métodos é certeza de não ter método nenhum.

Ao mesmo tempo, imagine o monstro q come 1Kg de carne por dia, com molho de pimenta e coca cola, com pão e doce de leite nas horas livres. Se ele cortar seco para legumes na agua e sal com frutinhas da estação. senhora Nutricionista libera o molho de pimenta com ketchup pra criança, não tem como uma boca a anos na salmoura com pimenta ficar asséptica de uma hora pra outra. Mais dificil q isso só mesmo cada um cada um cuidar de seus próprios vícios e enxergá-los como tal.

Toca o barco.

segunda-feira, maio 30, 2011

Inverno: Fome e Birita


O termometro cai, a fome aumenta assim como a vontade de não fazer nada fora dos domínios da cobertura de um edredon. Vontade é uma coisa q só é superada por outra coisa igual e de pulsão contrária. Tem q se levantar, sair e encarar o mundo lá fora.

O bom de fazer algo físico no inverno é q qdo chegamos a suar, significa q já estamos evaporando bacon há algum tempo. A fome do pós treino é bem vinda, segurar a onda aí tbem seria demais. A boa é ter um repertório bacana de caldos e sopas a mão. No ruim de tudo até sopa Maggi rola, mas é melhor deixar isso pra trilhas e outros perrengues. Dentro do princípio de Lavoisier, a gente não precisa ser o Gordon Ramsay pra fazer um ranguinho esperto. O feijão é gde aliado destes improvisos, algum legume no vapor, um macarrãozinho cozido, duas conchas da leguminosa batida no liquidificador e temos ai uma sopa. Com o feijão pronto não se gasta 10 minutos pra fazer isso.

Se a boa for fazer algo mais fronhonhóim, mantenha cogumelos secos por perto. Deixe de molho pro dia seguinte e com um pouco de batata, noz moscada e requeijão vira uma sopa do piru. Essa eu terei de fazer em vídeo.

Ginástica é limpar a casa sem esconder nada debaixo do tapete. Não tem como fugir dela. Dentro deste princípio, estando na academia honre sua mensalidade, sua disponibilidade de tempo e paciencia de estar ali, faça isso treinando. Muita gente lê ou escuta em algum lugar q uma aula de spinning gasta mais de 600 kcal e se apresenta na sala, sobe na bicicleta e faz a aula. Só q esquecem q se não pedalar com vontade não tem como a banha acumulada mudar de lugar.

Todo mundo hj em dia fala de meio ambiente e tantos outros elementos naturais e climáticos. Acho q um gde equívoco q cometemos sempre é nos preocuparmos muito mais na reengenharia do clima e das estações do ano do q viver e aproveitar o q cada uma nos dá de melhor. Tá frio, chuvoso? Pega uma capa ou um casaco impermeavel e vai a luta. Tá calor sai de bermuda e camiseta e segue em frente.

Toca o bonde!

PS: A birita? Beberam em forma de cachaça e vinho cambada de baderneiros zona Norte carioca entorna tudo.

sexta-feira, maio 20, 2011

O Excelente não pode estragar o bom II



A ignorância é uma benção.

Eu acreditava nisso, sempre pensei que desconhecer alguma coisa muito boa, mas de acesso restrito, seria algo melhor que provar esta coisa vez por outra. Isto pode facilmente desdobrar em um comportamento adicto. E em termos de comida, bebidas e outras ingestas é.

Ok, vc bebeu um vinho de 200 US$ a garrafa em um viagem que fez em sua última estada no exterior. Hj está na Lapa e diante de uma caneca de 3 reais de cantina da serra, daí vc tem duas opções: se divertir com isso ou encher o saco de seus amigos falando pela décima vez sobre esta maldita garrafa de 200 US$.

A vida é para ser vivida no espaço-tempo, recordar pode ser viver se feito sem lamúrias. Não podemos trazer recordações que nos faça infelizes agora. Pra que? O futuro trará problemas, seu presente nunca é pleno, recordações ruins só deveriam servir de motivação para tocar o barco adiante.

Hj com estomago nanico, opção vegetariana ligada, nenhuma ingesta de líquidos gasosos, seria mentira dizer que não sinto falta de festivais pantagruélicos regados a cocacola e costelinha de porco. Nào sou petfreak, gosto de bichinhos de estimação mas prefiro ter times de botão, minha consciencia ecológica sabe q a pecuária detonam a camada de ozônio com arrotos e peidos de bois e outros bichos. Mas sim, tenho ainda um ou outro sapato de couro, alguns comprados por estética outros por preço mesmo.

Sim, eu gostaria de viver num mundo em q o mínimo de educação fosse regulado por uma gentileza cordata e inconteste. Mas o mundo no fim é uma cloaca medieval, onde o mesmo ecologista pósgraduado, leitor e cinéfilo fuma e vomita ao ar livre pra quem quiser ver. Todos somos Jekyll e Hyde, o segredo é como e onde manifestar estas personas. Conviver com a própria estupidez é uma arte. Aprender algo novo todos os dias é o que importa. Talvez a única coisa q possa libertar a gente de verdade.

O conhecimento é uma benção.

quinta-feira, maio 05, 2011

Gordura confere realidade a peça publicitária?

Tem um comercial de celulares, que diz ser gravado com consumidores reais, com uma bela edição e texto muito bem ensaiado, cameras com estética clássica muito bem decupadas. Mostrando uma promoção de assinatura de serviço de telefonia, com celulares "grátis" pagos em suaves prestações diluídas no cantinho de contas subsequentes. Confessado por vendedores trambiqueiros manifestos, os clientes fazem cara de não entender e invariavelmente questionam com indignação a promoção.

Alguns planos são verdes, pra lembrar cameras de circuito fechado, contudo em alta resolução, mais parecida com truque de Avid q qquer outra coisa. Vc pode até comprar essa brincadeira de faz de conta se quiser, contudo, o que faz vc ficar na dúvida é qdo estampam dois gordos na encenação, gordos indignados com o vendedor trambiqueiro.

Se a gente é gordo dificilmente parte pro confronto, entuba, por ansiedade, constrangimento. O gordo mal sentado num setor de atendimento, vestido de almofada num sac branco, minimalista e geralmente com cadeiras frágeis ou no mínimo instáveis, quer encerrar tudo rapidamente.

A gordura que daria realidade ao comercial na testa de toda aquela galera maquiada na tela de tv. Cenas reais meu ovo.

segunda-feira, maio 02, 2011

Olhando para o Interior

Esse papo furadbo sempre me remete a promessas de campanha a presidencia e cargos menores. Se fala muito no interior e no Brasil como celeiro do mundo em época de corrida eleitoral (ou seria eleitoreira?).
Ando de saco cheio com contextualizações, explicações e legendas mas tbém sei q muitas vezes o corte seco pode nos deixar diante do vazio entre nossas orelhas, pelo menos no q diz respeito a história q está sendo contada.

Voltando ao papo de interior, vejo como minha primeira impressão com a palavra interior está equivocada, num blog pessoal, de subjetividades de um cara obeso não haveria como entrar este papo de corrida eleitoreira (eleitoral? nunca sei a diferença). A menos de uma contextualização estapafúrdia como essa.

Aliás, poderia lançar uma outra idéia do nada aqui, comparando minisséries, cinemas e novelas brazucas e o saco da contextualização melodramática comparados ao avanço da história pelo corte. A dificuldade q temos de encarar histórias q andam pelo q falta, e não pelo excesso de informação.
O difícil de encarar o escasso é pq vc tem q trazer aquilo q seus sapatos carregam por aí, não te trazem nada por fora, não é uma loja de sorvetes em q aquilo q se escolhe vem do descarte. A opção gerada, original e no fim das contas é pessoal e intrasnferível.

Existem melodias boas tanto com tres notas quanto tres mil notas. Construir a prórpriatrilha sonora é que é complicado. Na dúvida aumente o ganho e faça uma microfonia.

quinta-feira, abril 28, 2011

Cansadinho Introspectivo




Cuidado com a introspecção e a caroça de tédio. Olhar para o horizonte com nada na cabeça não salva ninguém das trevas. Só reclamar da vida tão pouco.
Sem um plano vc não chega lá, sem prática tão pouco também. Mova-se devagar, mas mostre q vc sai do lugar.

Ok, não precisamos acreditar no papo de q o universo conspira a nosso favor, mas tbém alimentar uma teoria conspiratória do mundo contra vc é pretencioso. Num mundo de culto ao cliente, nunca um indivíduo foi tão pouco. É vc com vc mesmo e toque o barco.

Antes ficar de maluco rindo pelos cantos sozinho, que mal acompanhado numa gangue de ladrões de geladeira. Não ando com quem chora por um pedaço de goiabada.

Troque a sobremesa por um copinho de vinho e grite nas aulas de spinning.

Vida que segue.

segunda-feira, abril 25, 2011

Obrigado Pai

Muitas vezes é difícil dizer o qto gostamos de alguém, mensurar algo como o amor ou admiração então, mais complicado ainda. Talvez, fosse melhor apenas declarar q eu amo meu Pai.

Sinto saudades dos tempos de carona no fusquinha bege, meus porques e suas explicações. Resenha dos filmes de sábado a noite, sua companhia em idas a mercado e oficina do Walter.
Todo dia eu deveria agradecer sua amizade, o fato de ser seu filho e tudo aquilo de bom que o Sr. representa.

Obrigado por tudo meu Pai.

TopBlog 2013

Gente que vai, gente que vem

Partizan FK do Andaraí

Partizan FK do Andaraí
Meu time de botão.

Pedra da Gávea 2011

Pedra da Gávea 2011
27.03.2011 powered by TRJ

Contadores do Obesity Help

Caminhando em 2010

Caminhando em 2010
Morro dos Cabritos - 9.01.2010

Flag Counter

free counters

Grutas em Maricá

Grutas em Maricá
20.01.2010

Alto Mourão - Parque Nacional da Tiririca - Niterói/RJ

Alto Mourão - Parque Nacional da Tiririca - Niterói/RJ
31.01.2010 - Alto Mourão - Niterói/RJ

Armadilhas Orais

Margarinas, biscoitos, salgadinhos, sorvetes: esses alimentos são ricos em gordura hidrogenada, portanto, aumentam o colesterol ruim e diminuem o bom colesterol (que protege as artérias). Pele de aves, bacon, toucinho, gordura aparente das carnes: esses queridinhos do paladar masculino são ricos em gordura animal. Por isso, aumentam o colesterol e podem prejudicar a saúde cardiovascular. Café ou chá preto em excesso: pensa que só porque está colocando adoçante tudo está salvo? Essas bebidas contêm cafeína, que podem, em altas doses, favorecer o aumento da pressão arterial e dificultar o sono, além de provocar dor de cabeça em indivíduos sensíveis. Temperos prontos: esse ingrediente contém glutamato monossódico e conservantes que, se consumidos habitualmente, podem sobrecarregar a função hepática. Açúcar simples e doces: eles aumentam a glicemia e podem, no futuro, alterar a ação da insulina e serem uma das causas de síndrome metabólica (conjunto de doenças que aumentam as chances de doenças cardiovasculares). Alimentos industrializados e conservas: esses alimentos ou petiscos podem aumentar a pressão arterial, além de outros males à saúde, dependendo da opção, pois são muito gordurosos. Embutidos: os embutidos (salsicha, linguiça, salame), além de serem muito salgados e gordurosos, contêm nitrato na sua composição e essa substância pode causar enxaqueca. Bebidas alcoólicas: ninguém está te proibindo de tomar um copinho ou outro de vez em quando. Mas o hábito sobrecarrega o fígado e pode prejudicar, inclusive, a função cerebral. Frituras: principalmente as que comemos na rua, como pastel, você deve deixar de lado. O óleo é reaquecido diversas vezes, podendo causar a oxidação da gordura, o que é prejudicial para a circulação sanguínea. Isso não significa que em casa está liberado. Evite! Refrigerantes: essas bebidas, mesmo as que não têm açúcar, não são uma boa opção. Eles possuem muitos conservantes, corantes, estabilizantes (e alguns, também, adoçantes). Essas substâncias sobrecarregam o fígado para que sejam eliminadas. Além disso, alguns possuem cafeína também.

Diga não a NanoFobia

Diga não a NanoFobia
Adote um anão

Carnaval 2010 - São João Nepomuceno/MG

Carnaval 2010 - São João Nepomuceno/MG
Cachoeira da Fumaça - São João Nepomuceno/ MG - Carnaval - 12-16/02/2010

Parque Estadual da Pedra Branca - Jacarepaguá - RJ/RJ

Parque Estadual da Pedra Branca - Jacarepaguá  - RJ/RJ
Travessia Pau da Fome/ Camorim - 1/05/2010

Peito do Pombo - Barra do Sana - Macaé/RJ

Peito do Pombo - Barra do Sana - Macaé/RJ
Powered by Trilhas RJ - 15 e 16 de maio de 2010

Travessia Tijuca X Jacarepaguá

Travessia Tijuca X Jacarepaguá
Powered by Trilhas RJ - 8.8.2010

Blog do FutMesa Dadinho do Mecão

Dicas para uma dieta bacana

Comer bem não significa viver à base de produtos light e diet. Uma alimentação saudável contém mais produtos naturais e menos industrializados. Deve ter mais variedade e menos quantidade.

- Ficar muito tempo em jejum trava o metabolismo. Sem energia, o organismo passa a poupá-la. Alimentar-se a cada três ou quatro horas (cinco a seis refeições ao dia) é essencial para ter disposição e saúde e também para emagrecer.

- Começar o dia tomando café e se alimentando com carboidratos (como pães e frutas) é uma opção inteligente porque esse nutriente é fonte de glicose e energia. O cérebro só se abastece de glicose.

- Ao meio-dia, é estratégico comer proteína (carnes). Devido às suas propriedades nutricionais, o alimento evita a sensação de sonolência após o almoço. À noite, ao contrário do que pregam muitas dietas radicais, os carboidratos são opção porque estimulam os hormônios do sono e do bem-estar.

- Preparar-se para fazer lanches entre as refeições é simples. Não é motivo de vergonha levar um sanduíche com pão integral ao trabalho. "Na hora da fome ninguém pensa e, sem nenhum alimento saudável à vista, é mais fácil se render às guloseimas", diz Tatiana.

- A proteína do soro do leite (whey protein) pode ser introduzida sem medo na alimentação. É um produto industrializado, mas de alto valor biológico (150%) e de fácil digestão.

- Para conquistar uma vida saudável, combine alimentação equilibrada com a prática de exercícios físicos.


As dicas são da nutricionista Tatiana Ferraz, de São Paulo para o blog Missão de Peso

TwitPic

Blogs Chapa Quente