sexta-feira, maio 28, 2010

Estranhas Soluções

Lá se vão quase 1 ano e meio de interdição estomacal. Sou um azul graduado nesta história e hj em dia tem pintado muita conversa em torno do q tenho feito para seguir nesta fuga. Em posts antigos* eu sempre tive uma posição muito crítica com o comportamento de paciente com PhD em medicina.
É fato q qquer pessoa com mais de um neuronio pesquisaria bastante antes de realizar uma operação invasiva e espontânea como a é a gastroplastia. Sim, depois do procedimento esta pesquisa se aliaria a vivencia e consequentemente, o desenvolvimento de práticas e repertório das mais variadas formas de comer, engordar, emagrecer e tudo mais q vai pelos domínios da fuga e do retrocesso a gordolandia.
Aos poucos vc pode estacionar entre a neurose e a entrega. Ser chato não tem como deixar de se-lo. A escolha é ser manifesto ou ocluso.
O operado chato manifesto, incomoda de cara. Enche o saco com o papo de alimentação, exercícios e fatos de sua condição. Sabe tudo de dumping, dos cuidados com a alimentação e seu repertório de atividades físicas para evaporação de bacon. O perigo deste estado de chatice é a e a ejactação. Saber q no fundo o estado de baleia encolhida é quase uma liofilização, em q basta por um pouco de preguiça e comida e a baleia seca, infla e voilá: volta a ser baleia.
Uma baleia é uma baleia, compreende?
Eu tento usar este blog como descarga destes sentimentos e falas bestas sobre como usar o estomago anão para fugir da gordolandia. Eu me esculhambo e relativizo estas pretensas vitórias, a fuga é cruel, se vc não se mantem em movimento, ela rapidamente pára e retrocede.
Uma boa imagem para o emagrecimento seria tal como subir um andar, por uma escada rolante q desce em sentido contrário a esta subida. Para chegar lá no alto, vc tem q subir sem parar ate o final. O descanso se rolar, tem de ser ativo, para ficar parado na escada, vc tem de se manter em movimento, pois se parar vc desce. E lá embaixo é o lugar q vc não quer ficar.
O chato ocluso é o gordo q estaciona, retrocede e quer se convencer de q isso é normal. Sem mais nada a dizer sobre este tipinho, prossigamos.
Claro é q sendo manifesto, vc aos poucos tbém vira referencia desta fuga. Conhece outros fugitivos. Vira uma confraria. Aos poucos perguntam métodos e normas, e é bem estranho como os estranhos se estranham. Neste blog já falei de inúmeros relatos de como tem sido dificil conviver com uma dieta restrita e admito xiita como a minha. Apesar de achar, q eu de maneira alguma a advogo ou prego, sempre me vejo tendo de explicar pqS da minha opção.
Conversando com uma fugitiva outro dia, ela estava aflita com o atrator da gordolandia. Sua fuga estava estacionada e começando a retroceder.
Logicamente, tudo vem nessa vida de muitas camadas, dentro de um unico pacote. Se a vida é sua, o pacote é vc. somos análogos a uma cebola. Não vale chorar agora!
Sim, o mundo no entorno é cruel, políticas, eleições, seu time em crise, TPM das mulheres ao redor, engarrafamentos, meses maiores q nossos salários. Comerciais do outback, baconzitos, minibis e das macofertas. Tudo conspira para vc abdicar da dieta só por hj. A promessa do gostoso sempre é tentadora. Nada te ajuda. Nada. Q tal cultivar a gula por fastbooks da LPeM? To atras de tudo do velho Buko. Se for pra comer q seja o Misto Quente com vinho vagabundo do Chinasky.
Ta com saudade de vidas passadas? Te sugiro pegar um carrinho de compras, preferencialmente sabado a tarde, num supermercado tarja preta popular. Mercado cheio, encha o carrinho de compras com fome de recordações. Pacotão de arroz, sacos de macarrão, amarrado de 12 litros de refrigerante bola sete, uma garrafa de whiky Professores, papel higienico, pinho sol, 4 a 6 peças de fraldinha, duas ou tres barras de chocolate, pães, pomarolas, queijos, ovos, farinha de mesa, sabão em pó. Mercado cheio, fila de frios, 1Kg de mussarela fatiada e um kilo de presunto, 1Kg de salsichão e outro de salsicha. Rode pelo mercado. Engarrafamento de carrinhos, filas imensas. Outros habitantes da gordolandia, geralmente em torno das baias com provinha. Café de graça.
O requinte de crueldade é agora, estime o preço desse carrinho, pense no q falta. dois Kg de batatas, dois vidros de maionese, 6 pacotes de creme de leite, batata palha, champignon, 2Kg de peito de frango, leite em pó, leite condensado, nescau. Acho q era esse um carrinho padrão em 2007/2008. Duraria aí uns 10 ou 12 dias. estimo hj em 300 pilas. O mes com 30 dias, só com comidinha daria uns mil reais de comida. Pra mim.
Na fila do Supermercado, muita gente, deixo meu carrinho de vidas passadas e vou pra Pedra Bonita caminhar e justificar o gatorade q vou beber depois. Estamos em 2010 manter a fuga tem sim suas recompensas.
--------------------
* antigo na web pode ser algo com mais de um dia ou um ano. Com o twitter pode rolar até mesmo uma antiguidade instantanea. Welcome to this brave new world!

5 comentários:

Andreia disse...

Adoro tudo que você escreve!

Anja da Lua disse...

Amei o post, somos responsáveis por nossos próprios atos e pensamentos, as consequências somos nós mesmos que sofremos, então cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é... Serei sempre sua fã sequinho, suas experiências têm me ajudado muito a superar meus próprios desafios. bjo

Vera disse...

Túlio, há quanto tempo. Deve fazer uns 10 anos que a gente não se fala, nem se vê.
Beijos,
Vera

Tulio Bambino disse...

!o anos, praticamente uma vida. Estou com Alzheimer e não faço a menor idéia de onde nos conhecemos. Ilumine-me, por favor!

Vera disse...

Dez anos talvez não, mas pelo menos uns 7. Uma dica: Vera, que mora em Botafogo. Vamos ver se te ilumino, como você mesmo disse.

TopBlog 2013

Gente que vai, gente que vem

Partizan FK do Andaraí

Partizan FK do Andaraí
Meu time de botão.

Pedra da Gávea 2011

Pedra da Gávea 2011
27.03.2011 powered by TRJ

Contadores do Obesity Help

Caminhando em 2010

Caminhando em 2010
Morro dos Cabritos - 9.01.2010

Flag Counter

free counters

Grutas em Maricá

Grutas em Maricá
20.01.2010

Alto Mourão - Parque Nacional da Tiririca - Niterói/RJ

Alto Mourão - Parque Nacional da Tiririca - Niterói/RJ
31.01.2010 - Alto Mourão - Niterói/RJ

Armadilhas Orais

Margarinas, biscoitos, salgadinhos, sorvetes: esses alimentos são ricos em gordura hidrogenada, portanto, aumentam o colesterol ruim e diminuem o bom colesterol (que protege as artérias). Pele de aves, bacon, toucinho, gordura aparente das carnes: esses queridinhos do paladar masculino são ricos em gordura animal. Por isso, aumentam o colesterol e podem prejudicar a saúde cardiovascular. Café ou chá preto em excesso: pensa que só porque está colocando adoçante tudo está salvo? Essas bebidas contêm cafeína, que podem, em altas doses, favorecer o aumento da pressão arterial e dificultar o sono, além de provocar dor de cabeça em indivíduos sensíveis. Temperos prontos: esse ingrediente contém glutamato monossódico e conservantes que, se consumidos habitualmente, podem sobrecarregar a função hepática. Açúcar simples e doces: eles aumentam a glicemia e podem, no futuro, alterar a ação da insulina e serem uma das causas de síndrome metabólica (conjunto de doenças que aumentam as chances de doenças cardiovasculares). Alimentos industrializados e conservas: esses alimentos ou petiscos podem aumentar a pressão arterial, além de outros males à saúde, dependendo da opção, pois são muito gordurosos. Embutidos: os embutidos (salsicha, linguiça, salame), além de serem muito salgados e gordurosos, contêm nitrato na sua composição e essa substância pode causar enxaqueca. Bebidas alcoólicas: ninguém está te proibindo de tomar um copinho ou outro de vez em quando. Mas o hábito sobrecarrega o fígado e pode prejudicar, inclusive, a função cerebral. Frituras: principalmente as que comemos na rua, como pastel, você deve deixar de lado. O óleo é reaquecido diversas vezes, podendo causar a oxidação da gordura, o que é prejudicial para a circulação sanguínea. Isso não significa que em casa está liberado. Evite! Refrigerantes: essas bebidas, mesmo as que não têm açúcar, não são uma boa opção. Eles possuem muitos conservantes, corantes, estabilizantes (e alguns, também, adoçantes). Essas substâncias sobrecarregam o fígado para que sejam eliminadas. Além disso, alguns possuem cafeína também.

Diga não a NanoFobia

Diga não a NanoFobia
Adote um anão

Carnaval 2010 - São João Nepomuceno/MG

Carnaval 2010 - São João Nepomuceno/MG
Cachoeira da Fumaça - São João Nepomuceno/ MG - Carnaval - 12-16/02/2010

Parque Estadual da Pedra Branca - Jacarepaguá - RJ/RJ

Parque Estadual da Pedra Branca - Jacarepaguá  - RJ/RJ
Travessia Pau da Fome/ Camorim - 1/05/2010

Peito do Pombo - Barra do Sana - Macaé/RJ

Peito do Pombo - Barra do Sana - Macaé/RJ
Powered by Trilhas RJ - 15 e 16 de maio de 2010

Travessia Tijuca X Jacarepaguá

Travessia Tijuca X Jacarepaguá
Powered by Trilhas RJ - 8.8.2010

Blog do FutMesa Dadinho do Mecão

Dicas para uma dieta bacana

Comer bem não significa viver à base de produtos light e diet. Uma alimentação saudável contém mais produtos naturais e menos industrializados. Deve ter mais variedade e menos quantidade.

- Ficar muito tempo em jejum trava o metabolismo. Sem energia, o organismo passa a poupá-la. Alimentar-se a cada três ou quatro horas (cinco a seis refeições ao dia) é essencial para ter disposição e saúde e também para emagrecer.

- Começar o dia tomando café e se alimentando com carboidratos (como pães e frutas) é uma opção inteligente porque esse nutriente é fonte de glicose e energia. O cérebro só se abastece de glicose.

- Ao meio-dia, é estratégico comer proteína (carnes). Devido às suas propriedades nutricionais, o alimento evita a sensação de sonolência após o almoço. À noite, ao contrário do que pregam muitas dietas radicais, os carboidratos são opção porque estimulam os hormônios do sono e do bem-estar.

- Preparar-se para fazer lanches entre as refeições é simples. Não é motivo de vergonha levar um sanduíche com pão integral ao trabalho. "Na hora da fome ninguém pensa e, sem nenhum alimento saudável à vista, é mais fácil se render às guloseimas", diz Tatiana.

- A proteína do soro do leite (whey protein) pode ser introduzida sem medo na alimentação. É um produto industrializado, mas de alto valor biológico (150%) e de fácil digestão.

- Para conquistar uma vida saudável, combine alimentação equilibrada com a prática de exercícios físicos.


As dicas são da nutricionista Tatiana Ferraz, de São Paulo para o blog Missão de Peso

TwitPic

Blogs Chapa Quente